segurança psicologica

Segurança psicológica: porque ela é importante e como criá-la

A segurança psicológica cultiva uma cultura de trabalho livre de medo e ego. 

Isso significa que as pessoas podem falar abertamente, cometer erros, questionar coisas e levantar preocupações sem humilhação ou retribuição. 

Isso cria uma organização que aprende – um lugar onde as equipes são mais do que a soma de suas partes e as pessoas vão além de suas zonas de conforto para alcançar o sucesso juntas.

Sem essa cultura de segurança, as pessoas temem que parecerão ignorantes, portanto, não farão perguntas; eles não querem parecer incompetentes, então eles não admitem vulnerabilidade ou erros; eles não querem parecer intrusivos, então eles não oferecem ideias; e não querem parecer negativos, então não questionam o status quo. 

No entanto, que tipo de organização isso cria? Aquela em que ideias criativas e alto desempenho são sufocadas. Quando as pessoas sentem que podem ser elas mesmas no trabalho, elas trazem um nível diferente de comprometimento e contribuição.

Portanto, a segurança psicológica é um conjunto claro de ideias sobre como criar as circunstâncias certas para ter sucesso por meio de vários aspectos da cultura e da estrutura dentro de uma organização.

É vital que as empresas repensem as abordagens tradicionais e invistam na criação e promoção de ambientes psicologicamente seguros.

Neste artigo, vamos abordar sobre o que é segurança psicológica, por que é importante e como os líderes podem promovê-la no local de trabalho.

O que é segurança psicológica?

Segurança psicológica é a crença de que você não será punido ou humilhado por falar com ideias, perguntas, preocupações ou erros. Ela é compartilhada pelos membros de uma equipe de que os outros membros da equipe não irão embaraçar, rejeitar ou punir você por falar abertamente.

Dessa forma, o ambiente de trabalho contribui para que o bem-estar seja mantido, além de se tornar mais saudável. Isso afeta diretamente na criatividade e autenticidade dos colaboradores, colaborando para uma convivência harmoniosa. 

Quando você tem segurança psicológica no local de trabalho, as pessoas se sentem confortáveis ​​sendo elas mesmas. Eles trazem todo o seu ser para o trabalho e se sentem bem colocando-se todos na linha.

Para apoiar equipes de alto desempenho, a criação de ambientes de trabalho psicologicamente seguros é fundamental não apenas para a decência humana básica, mas também para a retenção.

Então, o que isso significa?

O termo segurança psicológica foi cunhado pela professora da Harvard Business School Amy Edmondson. Ela o define como “uma crença compartilhada de que a equipe está segura para assumir riscos interpessoais”. 

Estabelecer um clima de segurança psicológica permite que as pessoas falem e compartilhem suas ideias.

Edmondson e o professor Jeff Polzer da Harvard Business School dizem que, quando se trata de criar ambientes psicologicamente seguros, o estabelecimento de normas é fundamental para o sucesso e a participação.

Para os líderes, falar abertamente é menos importante do que como agimos e reagimos aos outros membros da equipe.

A criação de um ambiente psicologicamente seguro também pode atuar como um amortecedor contra o absenteísmo e taxas de turnover.

Por que a segurança psicológica é importante no local de trabalho?

Uma equipe eficaz valoriza a segurança psicológica tanto quanto a segurança física e o cumprimento dos padrões de desempenho da empresa.

A segurança psicológica no local de trabalho é importante porque:

Aumenta o envolvimento dos funcionários 

Quando os membros da equipe se sentem seguros no trabalho, é mais fácil para eles participar de uma reunião de equipe, resolver problemas, colaborar em projetos e se envolver com seus clientes e colegas. 

Além disso, as equipes seguras inspiram os funcionários a estarem totalmente presentes no trabalho em vez de cochilar ou contar as horas até o fim do dia de trabalho.

Promove uma cultura de trabalho inclusiva 

É mais importante do que nunca fazer com que TODOS os membros da equipe se sintam incluídos

Espaços de trabalho seguros recebem equipes diversificadas e permitem que todos os membros da equipe prosperem, independentemente de gênero, cor, raça, origem ou preferências políticas. 

O resultado é uma rica experiência de dar e receber, onde todos se sentem conectados e parte de uma frente unida.

Inspira criatividade e ideias: 

Para que a criatividade e as ideias fluam organicamente, os membros da equipe devem se sentir seguros para se expressar. Imagine quantas ideias inspiradas nunca foram compartilhadas porque um membro da equipe não se sentia seguro para compartilhar.

Melhora o bem-estar do funcionário: 

A saúde mental contribui muito para o bem-estar geral. Quando os funcionários estão mentalmente saudáveis ​​(psicologicamente seguros), é mais fácil para eles ter um desempenho ideal e evitar fatores estressantes que os impedem de fazer o melhor.

Cria embaixadores da marca: 

Criar um local de trabalho psicologicamente seguro é uma das melhores maneiras de inspirar os membros da equipe a se gabarem constantemente de você. 

Os membros da equipe não podem deixar de falar sobre como o trabalho é maravilhoso quando eles estão sendo tratados da maneira certa.

Reduz a rotatividade de funcionários: 

Um estudo recente relatou que os membros da equipe que se sentem psicologicamente seguros no trabalho têm menos probabilidade de sair. 

Planejamento estratégico da saúde mental e cuidado com os colaboradoresPowered by Rock Convert

Afinal, por que sair de uma empresa que o trata com respeito e o faz se sentir seguro e valorizado? Sem mencionar os custos terríveis que vêm com encontrar, entrevistar, contratar e treinar membros da equipe (entre outros custos). A alta rotatividade de funcionários não é sustentável para empresas de sucesso.

Aumenta o desempenho da equipe: 

Quando você tem funcionários altamente engajados que não querem sair, uma cultura de trabalho inclusiva, embaixadores da marca, ideias inspiradoras e funcionários saudáveis, você tem uma receita vencedora para impulsionar o desempenho da equipe.

É hora de colocar um “local de trabalho psicologicamente seguro” na lista dos direitos humanos básicos e responsabilizar as empresas por sua implementação.

Quais são os 4 estágios de segurança psicológica?

Um local de trabalho psicologicamente seguro começa com um sentimento de pertencimento

Como a hierarquia de necessidades de Maslow – que mostra que todos os humanos exigem que suas necessidades básicas sejam atendidas antes que possam atingir seu potencial total – os funcionários devem se sentir aceitos antes de serem capazes de melhorar suas organizações.

Segurança em pertencer:

A segurança de inclusão satisfaz a necessidade humana básica de se conectar e pertencer. Nesse estágio, você se sente seguro para ser você mesmo e é aceito por quem você é, incluindo seus atributos únicos e características definidoras.

Segurança em aprender: 

Nesta fase, você se sente seguro para trocar ideias no processo de aprendizagem, fazendo perguntas, dando e recebendo feedback, experimentando e cometendo erros.

Segurança em interagir: 

A segurança do colaborador satisfaz a necessidade de fazer a diferença. Você se sente seguro para usar suas habilidades e aptidões para fazer uma contribuição significativa.

Segurança em se expressar: 

A segurança psicológica satisfaz a necessidade de tornar as coisas melhores. Você se sente seguro para falar e desafiar o status quo quando pensa que há uma oportunidade de mudar ou melhorar.

Como os líderes podem ajudar a criar segurança psicológica no trabalho

Para ajudar os funcionários a passar pelos 4 estágios e, finalmente, chegar a um lugar onde se sintam confortáveis ​​com a assunção de riscos interpessoais, os líderes devem nutrir e promover a segurança psicológica de sua equipe. Veja como ajudar a criar um local de trabalho psicologicamente seguro:

1. Faça da segurança psicológica uma prioridade explícita.

Fale sobre a importância de criar segurança psicológica no trabalho, conectando-a a um propósito maior de promover maior inovação organizacional, engajamento da equipe e um senso de inclusão. Modele os comportamentos que você deseja ver e defina o cenário, mostrando empatia no local de trabalho.

2. Facilite que todos falem.

Mostre curiosidade genuína e honre a franqueza e a verdade. Tenha a mente aberta, compassiva e empática quando alguém for corajoso o suficiente para dizer algo desafiando o status quo. As organizações com uma cultura de coaching provavelmente terão membros da equipe com coragem para falar a verdade.

3. Estabeleça normas sobre como lidar com falhas.

Não puna a experimentação e a assunção de riscos (razoáveis). Incentive a aprendizagem com o fracasso e a decepção e compartilhe abertamente suas lições aprendidas com dificuldade, aprendidas com os erros. Isso ajudará a incentivar a inovação, em vez de sabotá-la.

4. Crie espaço para novas ideias.

Ao desafiar uma ideia, forneça o desafio no contexto mais amplo de suporte. Considere se você deseja apenas ideias que foram exaustivamente testadas ou se você está disposto a aceitar ideias altamente criativas e fora da caixa que ainda não foram bem formuladas. Aprenda como abraçar novas ideias para promover mentalidades mais inovadoras em sua equipe.

5. Abrace o conflito produtivo.

Promova o diálogo e o debate produtivo e trabalhe para resolver os conflitos de forma produtiva. Os líderes podem preparar o terreno para mudanças incrementais, estabelecendo as expectativas da equipe quanto aos fatores que contribuem para a segurança psicológica. Com sua equipe, discuta as seguintes questões:

Se tudo isso soa como uma tarefa difícil, lembre-se de que a segurança psicológica representa o clima e a cultura de uma organização. 

Como saber se seus funcionários estão sentindo segurança psicológica? 

Quando os membros da equipe não se sentem seguros, eles ajustam seus comportamentos e respostas e criam uma equipe menos eficaz. 

Se todos na equipe estiverem fazendo isso, o líder da equipe pode não perceber o quanto o descomprometimento e o comportamento improdutivo se enraizaram.

Então, como um gerente ou líder pode saber se os membros de sua equipe se sentem seguros? Podemos tirar uma dica de como os pesquisadores medem a segurança psicológica:

  • Seus funcionários estão ativamente compartilhando opiniões que são diferentes uns dos outros ou do gerente;
  • As pessoas usam uma linguagem clara, direta e respeitosa, sem adicionar muitas advertências ou tentar muito não ofender;
  • Quando alguém pede feedback, outros dão feedback, tanto positivo quanto negativo;
  • O feedback negativo é recebido como uma crítica construtiva e uma oportunidade de aprender, colaborar ou ser mentor;
  • Em reuniões de status, as pessoas regularmente compartilham aspectos de projetos que estão em risco ou não estão indo bem;

É crucial priorizar a alta segurança psicológica para criar uma equipe de alto desempenho.

As culturas da equipe refletem as ações e reações de seus líderes. Líderes que não conseguem estabelecer e apoiar ambientes de equipe psicologicamente seguros podem causar consequências negativas irreparáveis ​​e danos à organização.

Mudar as normas culturais requer um aprendizado progressivo por parte de todos na empresa. Para estabelecer e manter um clima de trabalho psicologicamente seguro, os líderes devem modelar consistentemente comportamentos inclusivos para construir novas normas de equipe ao longo do tempo.

Cuide da segurança psicológica da sua empresa com a Holos

A segurança psicológica não deve ser uma vantagem de trabalho. Deve ser uma parte vital da cultura e do futuro de cada empresa.

No local de trabalho, a segurança psicológica deve ser uma prioridade se as empresas desejam criar uma empresa de sucesso e, mais importante, contribuir para um ambiente de trabalho inclusivo, diversificado e receptivo, onde os membros da equipe se sintam seguros para se expressar.

Afinal, a marca de uma boa empresa são os seus colaboradores.

Por fim, depois de todas essas informações, é impossível negar a importância da segurança psicológica, não é mesmo? 

A Holos pode ajudar a sua empresa a traçar uma estratégia que treine lideranças, colabore com o clima organizacional por meio de práticas integrativas preventivas e que melhore o bem-estar do funcionário. 

Aos poucos é possível perceber aumento da produtividade e engajamento dos colaboradores, além de cuidar da saúde mental de cada um. 

Não fique para trás no mercado e invista no seu colaborador, entre em contato com um de nossos consultores!

bem-estarPowered by Rock Convert