setembro amarelo

Setembro amarelo: ações efetivas para o cuidado da saúde mental

Realizada pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em comemoração ao Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio, 10 de setembro, a campanha Setembro Amarelo tem como objetivo desmistificar o tema e conscientizar a população de que o suicídio pode ser evitado.

Em virtude de todos os efeitos da pandemia do coronavírus, a campanha ganha ainda mais importância desde 2020. Como as tendências suicidas decorrem do agravamento de doenças relacionadas à saúde mental, as restrições impostas pelas medidas de segurança adotadas podem agravar ou causar episódios de ansiedade, ou depressão que merecem atenção.

Certos comportamentos indicam condições perigosas que requerem cuidados médicos. Algumas características dessas condições são: isolamento emocional e social; falta de comunicação; irritabilidade atípica; distúrbios do sono; sintomas físicos que não estão associados a nenhum diagnóstico médico, como dor de estômago e alteração intestinal; e recusa de ajuda de amigos, parentes ou mesmo profissionais. 

Para minimizar os efeitos negativos da pandemia na saúde mental, alguns hábitos podem ser adotados. Dormir pelo menos oito horas por dia, fazer exercícios, comer alimentos saudáveis, aprender coisas novas e planejar as atividades diárias são alguns costumes úteis.

A importância de falar sobre suicídio e saúde mental 

O suicídio está associado a problemas de saúde mental, pois vai contra o instinto de sobrevivência do ser humano. Está acontecendo no Brasil e no mundo. Esse estado de saúde mental pode ser causado pela associação de diversos fatores, como predisposição genética, problemas pessoais, baixa adesão ao tratamento, além da falta de ajuda. 

No entanto, ainda é possível perceber na sociedade a ideia de que o suicídio e as patologias associadas são “para chamar a atenção”, ou que quem precisa de psicólogos e psiquiatras é “louco” ou “fraco”, contribuindo para que nem todas as pessoas procurem ajuda.

Um dos dados apresentados pelo Setembro Amarelo mostra que cerca de 96,8% dos casos de suicídio registrados no último ano tinham relação com transtornos mentais. Entre as doenças, a depressão ocupa o primeiro lugar.

Porém, apesar desse preconceito ainda vivido, essas pessoas precisam ser fortes e buscar ajuda, pois, como disse Augusto Cury, “ninguém pode te machucar mais do que você mesmo”. 

Na verdade, o Setembro Amarelo é um grande passo para a prevenção do suicídio, mas é importante para aumentar o acesso aos serviços de saúde mental, seja na vida pessoal ou profissional além de reforçar a conscientização sobre a importância da realização da terapia.

No entanto, a busca por tratamento psicológico e psiquiátrico ainda é vista com preconceito por algumas pessoas da sociedade, que acreditam que apenas os loucos ou os fracos precisam de terapias; no entanto, são fundamentais, pois permitem o autoconhecimento e o amadurecimento, bem como o diálogo com um profissional especializado nesse cuidado, permitindo ao paciente desabafar sobre seus problemas.

É preciso tornar os serviços mais acessíveis de modo a reduzir o preconceito e o estigma que existe para quem busca serviços de psicoterapia e psiquiatria. Esse preconceito pode ser reduzido com o aumento de informações sobre o assunto. 

Porque fazer ações de Setembro Amarelo nas empresas? 

Além de ser um momento de sensibilização para a importância da prevenção do suicídio, o Setembro Amarelo é uma excelente oportunidade para a empresa publicar e atuar a favor da saúde mental que afeta diretamente o bem-estar e a qualidade de vida dos colaboradores.

Com a saúde mental em dia, a equipe trabalha com maior qualidade, participação e motivação, o que reflete os interesses da empresa e se estende à vida pessoal desses profissionais.

Para realizar uma campanha verdadeiramente eficaz, ao longo do mês devem ser consideradas diversas ações, como conversas, dinâmicas e atividades em grupo. Pequenas ações tiveram um grande impacto na conscientização e tornaram os dias diferentes.

Planejamento estratégico da saúde mental e cuidado com os colaboradoresPowered by Rock Convert

As ações devem considerar as características da empresa, observar o perfil da equipe e abordar os problemas observados. Agora é a hora de desmistificar a doença mental, manter um diálogo aberto e combater o preconceito e a discriminação. A organização de eventos para o Setembro Amarelo permite proporcionar aos colaboradores um mês pleno e transformador.

Setembro Amarelo Holos: como as nossas soluções podem ajudar a falar sobre saúde mental no ambiente de trabalho 

O Setembro Amarelo não é apenas para prevenir o suicídio, mas também uma excelente oportunidade para as empresas se manifestarem e agirem em prol da saúde mental. Atividades, eventos e outras práticas irão mudar o ambiente de trabalho. 

Portanto, a equipe realizará o seu trabalho da melhor forma possível, atuando com maior qualidade, participação e motivação. Isso se reflete nos interesses da empresa e se estende à vida pessoal desses profissionais, afetando suas famílias e a sociedade como um todo.  

Nesse sentido, a Holos criou um produto incrível para que diferentes ações possam ser tomadas ao longo do mês como talks, meditação, mindfulness, yoga, thetahealing, entre tantas outras atividades que terão um grande impacto na organização. 

Talks 

Os talks são um modelo de palestras mais curtas e eficazes para chamar a atenção para um único tópico de modo a disseminar o conhecimento de forma fluida e dinâmica. Ele acontece com o apoio de especialistas em um determinado assunto que discutem sobre o tema selecionado pela empresa, geralmente com o objetivo de solucionar alguma problemática. 

Na campanha de Setembro Amarelo, os Talks podem ser incrivelmente benéficos para os colaboradores e para o ambiente organizacional, visto que ele incita a participação de todos e trata de temas definidos pela própria empresa. Iremos dar algumas dicas de temas para tratar nos talks: 

  • Setembro Amarelo: O que precisamos saber? 
  • Os 3 Autos: conhecimento, cuidado e estima. 
  • Saúde das Emoções: como usá-las ao nosso favor? 
  • Crenças Limitantes e a Imagem de Eu 
  • Depressão e suicídio  
  • Entendendo a Depressão – Causas, Sintomas e Tratamentos

Meditação 

A meditação é uma prática que engloba o relaxamento corporal, controle da respiração, concentração levando assim a um estado de calma e tranquilidade, tanto física quanto mentalmente. 

A prática pode ser aplicada por um profissional que guia o indivíduo por meio de palavras para o atingimento do foco, quais músculos relaxar e assim por diante. No ambiente corporativo, ela ajuda no bem-estar e produtividade do colaborador e auxilia na criação de uma cultura mais humanizada. 

Para o Setembro Amarelo, a meditação será feita para aumentar a estabilidade mental e o foco, além da produtividade, concentração e motivação.  

Pilates laboral 

O pilates laboral consiste em exercícios do pilates com seus princípios adaptados para o ambiente corporativo, com uma duração também adaptada em cada aula. 

Com a rotina estressante de trabalho, muitas vezes temos muitas dores musculares e problemas de mobilidade. Nesse sentido, o pilates laboral entra como uma excelente atividade para ser feita no ambiente de trabalho para lidar com dores e flexibilidade, além de colaborar também no aumento da disposição e autocuidado. 

O pilates laboral no mês de Setembro Amarelo pode ser uma ótima oportunidade de escape da rotina, atuando na diminuição do estresse e ansiedade. 

Portanto, podemos perceber o quão importante é o cuidado da saúde mental e bem-estar do colaborador e o quanto o mês Setembro Amarelo pode ser um auxiliador na implementação de uma nova cultura, na qual se importa genuinamente com o bem-estar do funcionário. 

Além disso, podemos listar inúmeros benefícios com a inserção de práticas holísticas no ambiente de trabalho, como: aumento de concentração, produtividade, motivação, foco, redução da ansiedade, estresse e nos casos de burnout e turnover. 

Contratar as soluções da Holos para cuidar dos seus colaboradores, principalmente no mês Setembro Amarelo demonstra uma forte cultura organizacional humanizada que realmente se importa com a saúde mental do colaborador. Para saber mais sobre nosso programa e trazer essa novidade para seus colaboradores, entre em contato conosco!