frustração

Frustração: causas, consequências e como superá-la

A frustração pode ser difícil de colocar em palavras – é uma mistura complicada de raiva, decepção e aborrecimento. 

Raiva e frustração nem sempre são emoções produtivas e, embora não possamos necessariamente controlar o que as sentimos, podemos controlar como reagimos a elas.

Às vezes as pessoas se sentem frustradas por razões desconhecidas, e o pior é que não saber como você se sente e por que se sente assim, o que também pode ser frustrante.

A frustração pode surgir por várias causas ou razões que devemos aprender a identificar para que possamos superá-las. A boa notícia é que, com este artigo, você pode aprender a superar a frustração e seguir em frente para o sucesso.

Mas primeiro, o que é frustração?

A frustração é uma reação emocional criada quando os indivíduos não conseguem satisfazer as expectativas que estabeleceram para si mesmos em uma situação específica (desejo, projeção ou ilusão). 

Esse sentimento negativo, que aparece por não recebermos o que esperávamos, é vivenciado naturalmente e acontece com crianças, adolescentes e adultos.

Raiva, desamparo, tristeza, angústia, decepção, etc., são emoções que alteram negativamente nosso humor e geram frustração.

A frustração é natural, mas também podemos aprender a lidar com ela. 

As dificuldades fazem parte da vida e os momentos inesperados também.

Por isso, devemos aprender a administrar as emoções negativas e entender que somos nós que construímos nossa própria felicidade.

Por que as pessoas ficam frustradas?

A frustração de não poder cumprir algum objetivo que estabelecemos, seja em nível econômico, de trabalho ou sentimental, é uma emoção que desencadeia raiva, tristeza e desamparo. 

Por isso é importante detectar o que causa essa frustração, como isso afeta sua vida e como resolvê-lo.

A frustração ocorrerá sempre que suas ações estiverem produzindo cada vez menos resultados do que você acha que deveriam. 

A frustração que experimentamos pode ser vista como resultado de dois tipos de bloqueio de metas, ou seja, fontes internas e externas de frustração.

Fontes internas de frustração 

Geralmente envolvem a decepção que ocorre quando não podemos ter o que queremos como resultado de deficiências pessoais reais ou imaginárias, como falta de confiança ou medo de situações sociais. 

Outro tipo de frustração interna ocorre quando uma pessoa tem objetivos conflitantes que interferem uns com os outros.

Fontes externas de frustração

Uma das maiores fontes de frustração no mundo de hoje é a frustração causada pela percepção de perda de tempo. 

Quando você está na fila de um banco, ou no trânsito, ou ao telefone, vendo o seu dia passar quando você tem tanta coisa para fazer, essa é uma grande frustração.

A frustração externa as vezes é inevitável. É apenas a forma como a vida é. 

Pode-se aprender que, embora a situação em si possa ser perturbadora e frustrante, você não precisa ficar frustrado. Aceitar a vida é um dos segredos para evitar a frustração.

Como lidar com a frustração?

Superar a frustração nem sempre é fácil. 

É um sentimento que aparece em nossas vidas quando não conseguimos realizar nossos projetos, sonhos e desejos. 

Planejamento estratégico da saúde mental e cuidado com os colaboradores

É comum tê-lo conhecido. Mesmo assim, é um companheiro de viagem desconfortável, pois não permite que você volte a sonhar ou imaginar novos projetos.

Aqui estão algumas dicas que você pode começar a aplicar quando se sentir frustrado:

Aceite que lutar por algo não significa necessariamente que você vai conseguir.

Às vezes, o valioso não é chegar ou vencer, mas o aprendizado adquirido ao longo do caminho.

Não superestime o que você sente quando não consegue o que deseja.

É normal se sentir mal. Tente acalmar suas emoções, dizendo a si mesmo: “é normal sair assim, e eu sei que é temporário”.

Não se prenda à vitimização.

Tente não ficar atolado em quão mal você se sente e quão injusto o mundo é.

Procure alternativas.

Questione os motivos que o levaram a falhar e identifique como você pode fazer isso de forma diferente. Isso é aprendizado. Tenha em mente que as mesmas ações geralmente trazem os mesmos resultados.

Não deixe que alguém lhe diga se você vai alcançar seus objetivos.

Alguém lhe dizendo que você não vai conseguir, que é muito difícil, que você está perdendo seu tempo, etc.

Para cada dificuldade, procure uma solução.

Que você demore mais do que o esperado não significa que você não vai conseguir. Responsabilize-se por suas ações.

Inspire-se naquela pessoa que alcançou o que você se propôs a fazer.

Em uma determinada situação, pergunte a si mesmo o que eles teriam feito.

Crie as etapas para alcançar seu desafio.

E, com esse caminho, anote os possíveis problemas que você possa ter e o que fará para evitá-los ou resolvê-los. Dessa forma, você sai na frente e evita surpresas vivenciando-as como fracassos. Não esqueça que o chamado “fracasso” também é um caminho para o seu sucesso.

Ações para lidar com a frustração

A frustração é uma emoção temporária. Usando algumas das estratégias abaixo, você pode tomar medidas para lidar com a frustração. 

Tenha em mente que você experimentará esse sentimento novamente em um novo contexto no futuro. 

Usando a meditação, você pode se tornar mais consciente dos sentimentos antes que eles venham à tona. Essa prática pode te ajudar a gerenciar sua frustração a longo prazo, para que as frustrações afetem seu humor ou até mesmo seu dia se torne mínimo. 

Liberar sua frustração através do exercício também pode ser benéfico para ajudá-lo a lidar com isso. Com as ideias desta lista, você estará no caminho certo para gerenciar suas frustrações de maneira segura e saudável. 

O mindfulness pode te ajudar a lidar com a frustração 

Com o mindfulness, você simplesmente se torna mais sintonizado com os sentimentos e sensações em seu corpo. 

Dessa forma, quando você perceber que a frustração está chegando para você, você pode agir para reduzi-la em vez de descontar em quem você se importa.

O yoga pode ser um forte aliado 

Se você prefere exercícios de baixo impacto, o yoga é uma ótima maneira de fazer seu corpo se mover de maneira significativa. O yoga pode te trazer inúmeros benefícios, como o controle da respiração, sintonizar seu corpo com sua energia, diminuir a ansiedade, estresse e a frustração. 

Seja criativo ao lidar com suas emoções 

A arte é uma ótima ferramenta para expressão emocional. Fazer artesanato, desenhar, pintar, escrever poesia e outras formas de arte são formas saudáveis ​​de canalizar sua raiva para algo divertido.

Pratique exercícios para lidar com a frustração 

A atividade física melhora o humor, ajuda a regular o estresse e a adrenalina e é uma maneira saudável de liberar energia reprimida. 

Se puder, tente correr e realmente se concentre em seus pés batendo no chão. 

Você não precisa ser definido por suas frustrações, faça com que elas trabalhem ao seu favor. Trabalhe sua mente para que você consiga superar os desafios, entendendo os erros do caminho e os aceitando. 

Além disso, podemos também citar a importância de se ter uma boa saúde emocional para conseguir lidar melhor com as frustrações que lidamos ao longo da vida. Nesse e-book, você irá encontrar insights sobre saúde emocional no ambiente corporativo. Acredito que ele possa te ajudar em sua caminhada!