comunicacao nao violenta

Comunicação não violenta: o que é e como ela pode mudar o ambiente de trabalho

A comunicação não violenta (CNV) no local de trabalho traz inúmeros benefícios para os empregadores, funcionários, bem como para clientes e a comunidade.

No entanto, a Comunicação Não-Violenta no local de trabalho também tem limitações. 

Uma delas é o tempo limitado devido aos prazos relacionados ao trabalho. Outra se deve ao fato de que as pessoas não vão parar de trabalhar para se tornarem emocionalmente próximas de seus colegas de trabalho.

Portanto, o que procuramos quando aplicamos CNV em um ambiente de trabalho é conexão suficiente para que as pessoas possam melhor atender à razão e ao propósito de estar lá: realizar o trabalho.

A comunicação não violenta no ambiente de trabalho ajuda você e seus colegas a se darem bem, pois ensina como ser real e honesto de uma forma que seja provável de ser ouvido, além de como ouvir com empatia e compreensão.

Construir confiança é um resultado natural da aplicação da CNV. Esse maior nível de confiança se traduz em um trabalho em equipe mais eficaz.

Ao aplicar a Comunicação Não-Violenta no local de trabalho, você terá menos conflitos entre colegas de trabalho, maior moral da equipe e baixa rotatividade de pessoal.

O que é comunicação não violenta?

A comunicação não violenta (CNV) é uma estrutura baseada em necessidades/valores que podem ser usados para resolver conflitos de forma construtiva e pacífica. 

A CNV pode ser usada pessoalmente e por escrito para ajudar as pessoas a lidar com situações difíceis em ambientes profissionais (ou pessoais).

Segundo o especialista em comunicação não violenta (CNV) Mair Alight, todos encontram pessoas difíceis e situações desafiadoras em suas vidas, e aprender a CNV pode ajudá-lo a aprender como lidar com elas. 

A CNV é uma perspectiva em que você pode usar a linguagem para ser claro consigo mesmo e com as outras pessoas – o que você pensa, sente e, acredita, quais necessidades você está atendendo a qualquer momento. 

Essa forma de comunicação é uma maneira de disseminar habilidades de pacificação e desenvolver um processo de linguagem utilizando observações, sentimentos, necessidades e solicitações.

Qual a importância da comunicação não violenta no ambiente de trabalho?

Perguntar qual é a importância da comunicação no local de trabalho pode ser melhor respondido quando olhamos para o que acontece quando ela está faltando.

Quando um gerente ou supervisor dá instruções, ou expectativas pouco claras, isso pode criar estresse, frustração e confusão. 

Como resultado, os colaboradores entregam tarefas erradas, na hora ou de maneira errada. Mas o mais importante é a confiança que pode ser afetada e as pessoas começam a se ressentir de seu chefe ou supervisor.

O que fazer em vez disso? O ponto inicial é fazer os líderes dedicarem algum tempo para esclarecer o que deve ser feito. Em seguida, entregar a mensagem a quem deve ser entregue. 

Quando há uma cultura de comunicação não violenta na empresa, o ambiente de trabalho se torna mais saudável e mais fácil de se trabalhar. A importância desse tipo de comunicação é que ela gera mais confiança e bem-estar nas equipes.

A cultura organizacional, nesse sentido, é o que torna seguro para os funcionários fazerem perguntas esclarecedoras, expressar preocupações, ou objeções.

Como a cultura organizacional influencia na comunicação não violenta?

Quando um funcionário não fala ou não faz perguntas de esclarecimento em um momento crucial, pode ser por uma série de razões. 

Pode ser que eles tenham medo e evitam conflitos ou precisem trabalhar em sua coragem, confiança e auto-expressão. 

Às vezes, a cultura organizacional da empresa torna o colaborador inseguro ao falar porque temem retaliação. 

Independentemente disso, quando a cultura não conduz à honestidade ou quando um membro da equipe se abstém de expressar uma comunicação crucial, a organização, o projeto e a equipe perdem sua contribuição.

Quando os colegas de trabalho têm um mal-entendido – o que pode acontecer com frequência – como eles lidam com isso? Eles têm as habilidades para transformar o confronto ou a separação em uma conversa construtiva?

Sem priorizar a comunicação de alto nível no local de trabalho, chefes e supervisores estão privando seus projetos da possibilidade de uma equipe de alto desempenho.

Quando chefes e supervisores priorizam a importância da comunicação no local de trabalho, eles podem levar aos seus funcionários o treinamento de que precisam para poderem prevenir, resolver conflitos e trabalhar de forma colaborativa de forma eficaz.

Planejamento estratégico da saúde mental e cuidado com os colaboradoresPowered by Rock Convert

A comunicação é a chave para fazer as coisas – especialmente se você valoriza clareza, integridade, responsabilidade, eficiência, eficácia e um trabalho em equipe agradável e produtivo.

Como praticar uma comunicação não violenta?

A comunicação não violenta se empenha em melhorar a conexão e o relacionamento entre as partes. A estrutura da CNV envolve ouvir com empatia e expressar honestamente.

Com base nesses princípios, a CNV utiliza quatro componentes de linguagem:

  • Observações: Sem qualquer julgamento, observe o que os outros estão fazendo de que você gosta ou não gosta.
  • Sentimentos: diga como você se sente ao observar essa ação.
  • Necessidades: declare as necessidades importantes conectadas a esses sentimentos.
  • Solicitações: Faça uma solicitação específica que possa ajudar a atender a essas necessidades.

Antes de reagir a uma determinada situação, é importante parar um momento e refletir sobre o que você observa e que impacto a observação tem sobre seus sentimentos. 

Após identificar o sentimento que sente na situação, você pode identificar a necessidade que você tem que o levou a esse sentimento específico, que no final pode levar a uma solicitação sobre como a outra pessoa pode suprir sua necessidade pessoal.

Isso pode ajudá-lo quando você gostaria de falar, mas também ao ouvir outra pessoa. Tente ouvir com atenção e tente identificar a necessidade da outra pessoa. 

Um exemplo é que, na maioria das vezes, as pessoas querem apenas contar uma determinada história para se sentirem melhor e não estão interessadas em ouvir uma solução sua.

A ligação entre a comunicação e a produtividade no local de trabalho

Há uma ligação clara entre comunicação e produtividade no ambiente corporativo.

A comunicação clara nos dá expectativas, prazos e requisitos coerentes – e é a base para a confiança necessária para um local de trabalho colaborativo.

Uma comunicação clara nos dá um trabalho de equipe eficaz, porque equipes harmoniosas realizam um trabalho melhor.

Uma comunicação transparente é a chave para a produtividade porque sem ela, tempo, energia e esforço são desperdiçados seguindo instruções rasas ou refazendo o trabalho porque as expectativas não eram claras inicialmente.

Portanto, o vínculo entre comunicação e produtividade no local de trabalho também envolve como motivamos os outros e se podemos inspirá-los a se conectar com os motivos intrínsecos de estarem ali e de o trabalho ser importante.

Quando você está conectado ao significado e ao propósito por trás do seu trabalho – e quando você se dá bem com as pessoas com quem trabalha – ser produtivo pode acontecer quase sem esforço. 

Uma comunicação clara – da liderança e entre colegas de trabalho – fornece a base mais eficaz para a produtividade.

A comunicação não violenta consiste em duas partes: expressar-se honestamente e ouvir honestamente. Ambas as partes incluem o uso dos quatro elementos da comunicação não violenta: observação, sentimentos, necessidades e solicitações.

Como melhorar a cultura e a comunicação no local de trabalho?

Mudar comportamentos individuais é uma coisa – mudar uma cultura é outra.

A questão é ter clareza de valores e normas que são consistentemente defendidas no topo. Simplesmente não é sustentável para os trabalhadores manter os mais altos padrões se eles não tiverem o apoio dos chefes ou da gerência, que são as pessoas responsáveis pelo padrão.

Isso também significa que a liderança está comunicando tanto a visão, para que as pessoas se sintam parte de algo, quanto expectativas claras, para que as pessoas saibam onde estão e o que fazer.

Quando as pessoas se sentem conectadas – sendo exatamente no que a comunicação não violenta se destaca – elas gostam mais da companhia umas das outras, previnem e resolvem mal-entendidos e conflitos mais facilmente e trabalham melhor como uma equipe.

A comunicação não violenta pode contribuir muito para melhorar a cultura e a comunicação no local de trabalho – enquanto é um esforço de toda a organização sendo apoiado pela liderança.

Um dos indicadores de que a cultura em um local de trabalho precisa ser melhorada é até que ponto você vê aqueles com poder estrutural tomando decisões unilaterais ou impondo soluções a outros sem consulta quanto ao impacto, preocupações ou objeções.

Uma das melhores maneiras de melhorar a cultura e a comunicação no local de trabalho é se atentar aos feedbacks, fazer treinamentos com as lideranças e saber ouvir o outro. Você não pode ter uma verdadeira colaboração com soluções sendo impostas sem uma comunicação clara e assertiva. 

Quando as pessoas não têm uma palavra a dizer sobre as coisas que afetam suas vidas e seu trabalho, no longo prazo elas ficarão ressentidas ou encontrarão um lugar diferente para trabalhar.

As mudanças devem acontecer de dentro para fora, de um núcleo para o outro. Assim, se a busca por uma melhor qualidade de vida e de trabalho, a partir de um setor que impacta em toda a corporação, a transformação será realmente efetiva

Assim, as melhorias são feitas de formas graduais, sempre expandindo até atingir a empresa como um todo. 

Que tal participar dessa mudança ativamente? A Holos oferece vários temas de talks que podem envolver comunicação não violenta, liderança e cultura organizacional para melhorar o ambiente corporativo de sua empresa e aumentar o bem-estar dos colaboradores.

bem-estarPowered by Rock Convert