Por-que-me-tornei-uma-dentista

Por que me tornei uma dentista?

por Virgínia Cerqueira

Porque eu sentia, portanto sabia, que tinha que ser da área de Saúde, sempre gostei de cuidar e do trabalho manual minucioso. Eu não gostava de ir ao dentista, ninguém gostava. Então, pensei que pudesse ser uma na qual as pessoas gostassem de ir!

A boca e o sorriso

A boca é muito sofisticada, poderíamos falar muito mais sobre a boca, mas não é o caso aqui agora. Resumindo, é um órgão fascinante, fundamental. Os dentes!?  São joias, diamantes vivos! E dispostos em uma elipse, que coisa linda.

E um sorriso?  Muda tudo! Aproxima as pessoas, abre portas, torna os relacionamentos bem mais leves, melhores, e nossas faces também. Sem sorrir não dá pra ser feliz.

Estudar a boca é estudar com prazer e pra sempre, pois não terá fim e há muita tecnologia boa para ajudá-la a se manter saudável e bonita.

Meu trabalho sobre a má oclusão

Minha parte é contribuir para que você se sinta bem com a sua boca, sinta-se confortável, tanto na parte funcional da mastigação, da deglutição, quanto na parte estética. Meu trabalho é tratar a má oclusão, que é a falta de encaixe e alinhamento dos dentes.

Os tratamentos são através de Ajustes Oclusais, uso de placas e de aparelhos móveis, Ortopédicos Funcionais dos Maxilares e Alinhadores Estéticos Be Flash. Há, também, o trabalho com uso de aparelhos fixos autoligados pelo Conceito Línea e Sistema Damon, para melhorar o encaixe dos dentes e, se necessário, fazer movimentações dentárias, a fim de conquistar uma boa oclusão.

Posturologia

Trabalho sob os princípios da Posturologia, que considera a boca, pela posição da mandíbula, um importante fator de sustentação e de posicionamento da cabeça, influenciando as curvas da coluna cervical e de toda a coluna vertebral e, consequentemente, a postura corporal.

meditação no trabalhoPowered by Rock Convert

Um contato errado entre os dentes muda a posição da mandíbula e isso pode desencadear diversos tipos de problemas locais, assim como compensações posturais e suas consequências, tais como: dores musculares, dores e desgastes articulares, além do bruxismo, dentre outros sinais e sintomas que também chamamos de Disfunção Têmporo Mandibular (DTM).

A boca se desenvolve por etapas, que acompanham as mudanças das etapas do crescimento e do desenvolvimento humano. Quando precisam de alguma ajuda, para cada etapa, existem tecnologias diferentes e formas diferentes de se tratar, sempre com a filosofia de forças leves e menor tempo de tratamento com aparelho, com a ajuda de Super Protocolos que aceleram os resultados.

E as práticas integrativas e complementares?

São uma paixão! Sempre gostei de estudar as terapias energéticas tais como a Homeopatia, Antroposofia e Cura Prânica, a Fitoterapia, a Astrologia, dentre outras.

Eu aplico os conhecimentos advindos dessas práticas em todos os aspectos da minha vida, inclusive no trabalho. Só acredito naquilo que é bom para todos!

Não Somos feitos de partes, somos feitos do Todo. Esse Todo, O Sábio que nos habita, que sabe como nos manter saudáveis e nos preservar ao máximo, merece todo nosso respeito, cuidado e gratidão.

Estarei às ordens para atendê-l@, caso necessite!

; D

 

bem-estarPowered by Rock Convert